Home Esporte

Oswaldo Oliveira substitui Cristovão no Flamengo

Técnico é torcedor confesso do clube

O Flamengo confirmou a saída de Cristóvão Borges às 13h05. Oswaldo de Oliveira foi anunciado como seu substituto às 15h12. Chegou ao Ninho às 15h40 e sua entrevista coletiva foi iniciada às 16h58, meia hora após o previsto. Uma mudança radical em menos de cinco horas. Em sua primeira declaração, Oswaldo prestou solidariedade a Cristóvão. Depois, celebrou o retorno ao clube do coração e confessou estar ainda “atônito”.

“Quero reiterar as palavras do presidente com relação ao Cristóvão, uma pessoa querida vítima dessa instabilidade. Há pouco tempo passei pela mesma experiência. Tenho a honra e o prazer de substituir um grande profissional num clube que sempre tive vontade de voltar a trabalhar. Eu ainda estou meio atônito. Aconteceu muito rápido. Não tive tempo nem de preparar a minha conversa com os jogadores. Não me sinto capaz ainda de dizer o que podemos fazer. Mas o que quero, eu sei: que é o Flamengo competitivo”.

Oswaldo afirma que já observou o quão irregular tem o sido o Flamengo nos últimos meses. “Você sempre tem que ter intenção de enriquecer seu elenco. Eu tenho visto alguns jogos do Fla e, a exemplo do que acontece com outras equipes, o time teve partidas muito boas e outras nem tanto. Tem alguns jogadores que a gente sabe que têm um rendimento muito bom. E outros que estão se firmando. Nada é definitivo, a gente tem que ajudar para que eles progridam. Sinceramente não me sinto capaz ainda de dizer ainda o que a gente pode fazer. Quero fazer do Flamengo uma equipe vitoriosa e competitiva”.

Chegam com Oswaldo o auxiliar Luiz Alberto e o preparador físico Ricardo Henriques. O contrato do treinador tem duração até dezembro de 2016. Há uma cláusula referente ao pagamento de multa rescisória em caso de o vínculo ser interrompido: caso a atual gestão não seja reeleita, a próxima diretoria é eximida de pagar a indenização prevista se quebrar o compromisso.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta